Projeto de Lei inclui mel capixaba na merenda escolar

A deputada Iriny Lopes (PT) quer incluir, nos itens da merenda escolar da rede estadual de ensino, mel e derivados produzidos por apicultores capixabas. O foco do Projeto de Lei (PL) 865/2021 são os produtos da agricultura familiar e economia solidária. Conforme o texto, os itens são adquiridos pelo governo do Estado.

Na justificativa da matéria, a deputada ressalta a importância do consumo do mel. “A introdução do mel na alimentação escolar ganha especial importância pelo fato de ser um alimento adequado para a fase de crescimento de crianças e adolescentes, e, além disso, pode ser utilizado para a substituição do açúcar para adoçar sucos e outros alimentos”, defende.

Além disso, a parlamentar destaca a iniciativa como forma de valorizar a produção capixaba. “A inclusão do mel na alimentação escolar será responsável também por um forte estímulo à apicultura, que é responsável no processo de produção do mel e seus derivados”.

Tramitação

A proposta foi lida e começou a tramitar na sessão ordinária do dia 7 de fevereiro e seguiu para os colegiados de Justiça, Assistência Social e Finanças.

 

Fonte: ALES  Por: Gabriela Zorzal, com edição de Nicolle Expósito

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.