Operação fecha ferro-velho em Vila Velha

A segunda fase da Operação Hefesto fiscalizou cinco ferros-velhos na manhã desta sexta-feira (29) em Vila Velha, na Grande Vitória.

Um dos estabelecimentos, que já havia sido interditado, recebeu auto de infração pelo descumprimento da interdição anterior e foi fechado novamente.

Segundo a Prefeitura, foram registrados ainda cinco notificações pela Vigilância Ambiental, cinco notificações da Vigilância Sanitária e sete geradas pela Fiscalização de Posturas. Os estabelecimentos têm o prazo de 10 dias para se regularizarem ou podem receber multas e serem interditados.

A operação visa promover a regularização dos ferros-velhos e centros de reciclagem da cidade e, principalmente, encontrar possíveis receptadores de materiais como cabos elétricos, tampas de bueiro e caixas ralo, coibindo esses furtos.

Esta semana, a Prefeitura registrou furto de 350 metros de fios de energia elétrica na Rodovia Darly Santos, que deixou o viaduto da Avenida Carlos Lindenberg sem energia. Além desta ocorrência, semáforos são alvos preferenciais dos furtos, com 250 metros de cabos furtados por mês.

Ainda de acordo a Prefeitura, a reposição de fios e cabos elétricos da rede municipal gera prejuízo de cerca de R$ 40 mil mensais aos cofres municipais.

Apesar disso, nenhum material furtado foi encontrado durante a fiscalização. A operação contou com o apoio da Guarda Municipal, responsável pela segurança, além das polícias Militar e Civil.

Segundo o município, a Operação Hefesto continuará pela cidade. G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.