Globo vende jogos da Copa do Brasil para Amazon

A Amazon e a Globo anunciaram nesta quarta-feira (15) um acordo pelo licenciamento de 36 jogos da Copa do Brasil em 2022. O mata-mata nacional terá, ao todo, 30 partidas mostradas exclusivamente no Prime Video. Outros seis confrontos, que contemplam semifinal e final, também serão exibidos ao vivo no streaming da empresa. O novo contrato vai ajudar a emissora da família Marinho a pagar a alta conta do torneio –R$ 300 milhões por ano.

É o primeiro campeonato de futebol nacional adquirido pela Amazon desde que chegou ao país, em 2016. O acordo amplia e estreita as relações entre as duas empresas. No primeiro semestre, ambas já tinham fechado um acordo para a disonibilização do Premiere, o pay-per-view esportivo da líder de audiência, no Amazon Prime Channels.

Segundo o comunicado divulgado pelo streaming, membros Prime no Brasil terão acesso sem custo adicional a 36 partidas da Copa do Brasil 2022, que está planejada para começar em 23 de fevereiro. Entre os confrontos, 30 deles serão transmitidos exclusivamente no Prime Video entre a primeira fase e as quartas de final da competição.

Ou seja, no mata-mata a partir das oitavas de final, a plataforma terá pelo menos um jogo exclusivo no ano que vem até as quartas. Para complementar o pacote, serão exibidas seis partidas não exclusivas, que correspondem às semifinais e a final, que acontecerão em outubro –antecipada por causa da Copa do Mundo do Catar. “A Copa do Brasil 2022 é um marco para o Prime Video, tornando-se o primeiro evento de futebol ao vivo que a empresa. vai transmitir exclusivamente no país. Este é um passo muito importante para expandir e diversificar o conteúdo oferecido aos membros Prime”, disse João Ferraz de Mesquita, country manager do Prime Video Brasil.

Ao mesmo tempo em que estreita suas relações com a Globo no conteúdo, a Amazon também avança na parte comercial. No ano que vem, a empresa será uma das sete patrocinadoras da transmissão do futebol na emissora em jogos do Campeonato Brasileiro e da própria Copa do Brasil. A cota custou cerca de R$ 310 milhões para a multinacional.

O contrato da Globo com a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) para a Copa do Brasil termina justamente em 2022. O licenciamento para o Prime Video ajuda a pagar a conta, que é cara. Por ano, a emissora desembolsa R$ 300 milhões pelo torneio, que tem a premiação para o campeão mais farta do certame brasileiro. Conforme informou o Notícias da TV recentemente, a líder de audiência quer renovar os direitos do torneio, mas por um valor menor.

Fonte: UOL Esporte Por: GABRIEL VAQUER é especialista em mídia esportiva

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.