Azul investe US$ 1 bi em ‘carro voador’ para trajetos curtos

A Azul assinou uma intenção de compra de 220 aviões elétricos da fabricante alemã Lilium. O modelo eVTOL, chamado de “carro voador”, teria como foco as viagens curtas. O investimento total, segundo anúncio da Lilium, é de até US$ 1 bilhão. A rede de viagens de curta distância com os “carros voadores” deve começar apenas em 2025. O negócio deve ser liderado pelas duas empresas, de forma conjunta. Os termos ainda serão negociados.

“Lilium planeja trabalhar com a Azul para transformar radicalmente o transporte regional de alta velocidade” no Brasil, diz o comunicado da fabricante alemã.

O eVTOL é uma aeronave elétrica que consegue viajar até 240 quilômetros. Além do piloto, o “carro voador” tem espaço para mais 6 passageiros. A aeronave viaja a uma velocidade de até 280 km por hora. As empresas pretendem inaugurar uma nova área no setor aéreo “Sabemos como criar e crescer novos mercados, e mais uma vez vemos uma enorme oportunidade de mercado trazendo a Lilium Jet para o Brasil”, afirma David Neeleman, presidente da Azul. As empresas consideram ainda que o fato do mercado brasileiro de viagens aéreas ser bem consolidado pode facilitar a nova modalidade de viagens. O anúncio chama a atenção ainda para o fato do Brasil ser um dos maiores mercados de helicópteros do mundo.

Ao Valor Econômico, John Rodgerson, CEO da Azul, afirmou que o eVTOL pode ser o “Uber dos céus” pelo seu modelo. “Como essa aeronave pode decolar verticalmente, como um helicóptero, podemos usar pequenos aeroportos ou até mesmo os helipontos instalados nas grandes cidades.”…

A parceria funcionaria com a Azul operando o novo mercado e a Lilium com o fornecimento de uma plataforma de monitoramento das aeronaves, além de todas as possíveis manutenções. A aprovação para a aeronave voar no Brasil também precisaria ser obtida antes do negócio ser fechado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.